PORQUE DECIDI INVESTIR NO RAMO IMOBILIÁRIO?

Aprender com as experiências vivenciadas! (clique aqui)

Inúmeras vezes já ouvimos ou falamos sobre onde e como investir buscando ampliar nosso patrimônio ou sobre qual é o melhor tipo de aplicação, e tantas outras manifestações relacionadas a desejos e investimentos.

Segundo números da ABRAINC – Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias, o déficit habitacional no Brasil é de mais de 7,8 milhões de moradias, e que a carência chegará a 11,4 milhões de unidades até 2030, isso sem contar a demanda por empreendimentos comerciais.

Esse fato, somado ao aumento populacional, gera um crescimento consistente na demanda por imóveis. Outros tipos de investimentos mais conhecidos, como no mercado financeiro ou empresarial, ao menos teoricamente permitem a possibilidade de um maior retorno monetário, mas com riscos maiores em ambos os casos, levando aquele investidor com pensamento não passional a procurar investir em algo menos arriscado.

As experiências que vivi através das escolhas realizadas na busca da aplicação mais adequada para o meu perfil de investidor, me permitem afirmar que investir em imóveis é uma das melhores opções para todos os tipos de pessoas que desejam de alguma ou outra forma capitalizar-se.

Compreendi que investimentos em imóveis acabam por acolher os anseios e expectativas dos diversos tipos de investidores, desde aqueles que buscam realizar a aquisição do primeiro ou do segundo imóvel – como casas de veraneio, até aqueles que buscam ampliar o seu patrimônio e ainda ter retorno financeiro através da valorização por meio do ganho de capital e/ou de seus alugueres.

Em resumo, a decisão por investir no ramo imobiliário, levou em consideração dentre outros aspectos, a tradição, a segurança, a valorização, o retorno e o baixo risco do investimento em imóveis.

Adão Kaliskievicz é investidor do ramo imobiliário, Corretor e Avaliador de Imóveis, Engenheiro e Bacharel em Direito.